PSICOPEDAGOGA CLÍNICA E INSTITUCIONAL
PEDAGOGA / HOSPITALAR

30 anos de experiência em Vida Escolar | Membro da Associação Brasileira de Psicopedagogia - ABPp

Follow me on instagram

Copyrights 2017 © Todos os Diretos Reservados a Denise Aragão

denise-home

Psicopedagoga Clínica e Institucional

Pedagoga / Hospitalar

30 anos de experiência em Vida Escolar | Membro da Associação Brasileira de Psicopedagogia - ABPp

“Quando olho uma criança ela me inspira dois sentimentos, ternura pelo que é , e respeito pelo que posso ser”.

Jean Piaget

PSICOPEDAGOGIA

A Psicopedagogia consiste no trabalho das dificuldades de aprendizagem de crianças, jovens e adultos, oriundas de causas diversas e/ou multifatoriais.

O ponto de partida do trabalho é uma avaliação diagnóstica, objetivando a busca de intervenções que minimizem o desconforto, melhore a autoconfiança e a autoestima, além de resgatar o desejo de saber do paciente.

Em alguns casos o psicopedagogo encaminha o paciente para atendimento multidisciplinar com fonoaudiólogo, psicoterapeuta, neurologista, psicomotricista, entre outros profissionais.

Quem procura um psicopedagogo pode apresentar:

Problemas na leitura de palavras, frases e pequenos textos, compreensão leitora, alfabetização tardia, produção escrita com excesso de erros ortográficos e gramaticais, além de dificuldades na área da matemática.

Transtorno de Déficit de Atenção com e sem Hiperatividade.

Déficit Intelectual causado por questões orgânicas, longos e difíceis períodos em tratamentos de saúde, como o câncer infantil, além de síndromes, acidentes, entre outros.

Dislexia, disortografia, discalculia.

Desorganização escolar.

Não cumprimento de tarefas, seguido ou não de indisciplina, agressividade e falta de interesse no ambiente escolar.

Vida Profissional

Como Professora

Foi em junho de 1986 que ingressei na Prefeitura do Município de São Paulo como professora de Educação Infantil e Ensino Fundamental I. Pela alegria de compartilhar meus dias com esses jovens, permaneci orquestrando minhas aulas durante 30 anos consecutivos, junto de alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. Mas também trabalhei com adolescentes em atividades extra-classe.

Durante esse percurso realizei alguns projetos, dentre eles Orientação Sexual, Educação para a Saúde,  Clube Literário, Práticas de escrita e letramento, Projeto África, Contos de Assombração.

Recentemente, em setembro de 2016,  aposentei-me, mas…

Como Pedagoga Hospitalar

Dois anos antes de me aposentar, comecei a procurar uma atividade em que eu pudesse dar continuidade ao trabalho que tanto me realizava. Foi aí que descobri a Pedagogia Hospitalar na Pontifícia Universidade Católica de SP-PUC/SP, um curso de Extensão Universitária que me proporcionaria atuar como educadora dentro de hospitais, casas de apoio e abrigos. Nele também adquiri o conhecimento de como montar uma Brinquedoteca. No trabalho de conclusão de curso, formalizamos a elaboração de um projeto completo de Implantação de Classe Hospitalar, baseado na Resolução 42, de 13 de outubro de 1995, aprovado em sua íntegra, um texto oriundo da Sociedade Brasileira de Pediatria, relativo aos Direitos da Criança e do Adolescente Hospitalizados. Brasília: CONANDA; 1995.

Sendo assim, estou apta a atender crianças em tratamento de saúde permanente ou temporário, no que diz respeito ao ensino-aprendizagem, fazendo a ponte entre hospital e escola.

Como Psicopedagoga Clínica e Institucional

E como uma coisa puxa a outra, descobri que meu trabalho seria mais eficiente ainda se fizesse uma especialização em Psicopedagogia Clínica e Institucional. Foi, então, que resolvi fazer a pós-graduação nessa área. Dos 10 pacientes que atendi na clínica escola do Centro Universitário FIEO, um paciente de 15 anos apresentou uma demanda muito interessante, que é a utilização de TIC’s – Tecnologias de Educação e Comunicação por adolescentes que não se alfabetizaram convencionalmente. Foi nesse momento de busca de intervenções que pudessem ajudá-lo, que escolhi o tema da minha monografia: Inclusão Digital nas Intervenções Clínicas Psicopedagógicas: estudo de caso. Bem, enviei o trabalho para o VII Congreso Internacional de Investigacíon y Práctica Profesional en Psicología, em Buenos Aires, Argentina, na faculdade de Psicologia – UBA , em novembro de 2016, onde pude apresenta-lo a outros colegas de trabalho do MERCOSUL.

No momento atendo crianças e jovens com dificuldades e transtornos de aprendizagem na zona Oeste de São Paulo.
Como as dificuldades de aprendizagem podem estar carregadas de questões emocionais, ainda em 2016 procurei o Instituto SEDES SAPIENTIAE, referência de Escola Psicanalítica no Brasil, e conclui um curso de Psicanálise com crianças.

PSICOPEDAGOGIA CLÍNICA E INSTITUCIONAL

Toda criança é capaz de aprender com alegria.
Agende avaliação e descubra uma rota assertiva de aprendizagem.

Saiba Mais

PEDAGOGIA

Suporte na alfabetização e reforço escolar nas séries iniciais.

Saiba Mais

PEDAGOGIA HOSPITALAR

Acompanhamento humanizado domiciliário, adaptações curriculares, compensações de ausência, estabelecendo ponte com a Unidade Escolar.

Saiba Mais

Brinquedoteca

brinquedos e brincadeiras

PapoPsi

Próximos Eventos

Nenhum evento encontrado